Últimas do VELO

André Ferlini

Associação Esportiva VELO CLUBE

HEROICO E VALENTE

anuncie no velo clube
  • Locastec aluguel de máquinas
  • salão modelo cabeleireiro rio claro
  • Advogado Rio Claro: Charles Carvalho
  • Anuncie no Velo Clube
  • Fernando Brindes: bolsas e brindes promocionais
  • Anuncie no Velo Clube
  • Hidráulica São Judas Tadeu
  • Azul Imports Rio Claro
Nossos adversários: Ferroviária F.S.A (13)

Nossos adversários: Ferroviária F.S.A (13)



A Ferroviária Futebol S.A. pertence a cidade de Araraquara. A cidade foi fundada em 22 de agosto de 1817. Tem 194 anos.
A população é de 208.725 habitantes, segundo o Censo de 2010, do IBGE.
O Prefeito é Marcelo Fortes Barbieri(PMDB).
Quem alí nasce, é araraquarense.
Araraquara é um termo tupi, que significa toca de arará(espécie de formiga).
A Associação Ferroviária de Esportes foi fundada por Antonio Tavares Pereira Lima. Ele nasceu em 15 de novembro de 1919, em Guaranésia, Minas Gerais e era funcionário do Departamento Nacional de Estradas de Rodagem e ligado também aos funcionários ferroviários.
Apaixonado pelo futebol, em 1946, ele fundou o América F.C., em São José do Rio Preto. Foi o primeiro presidente do América e no jogo de estréia, em 17 de março de 1946, contra o Mirassol F.C., jogou de centro-avante.
Em junho de 1949, mudou-se para  Araraquara e em 12 de abril de 1950, junto à um grupo de engenheiros e demais servidores da Estrada de Ferro Araraquara(EFA), reuniu-se no salão de festas do Clube 22 de Agosto e fundou a Associação Ferroviária de Esportes(AFE), nome que se percebe foi apenas a troca da letra inicial  EFA para AFE, mantendo-se o emblema da ferrovia.
As cores escolhidas eram azul guanabara e branco. Porém, por sugestão de Silvio Barini, as cores passaram a ter a cor grená(cor das locomotivas da Estrada de Ferro Araraquara).
Em 9 de janeiro de 1952, Antonio Tavares Pereira Lima, fundou a Associação Desportiva Araraquara(ADA), e o uniforme do clube passou a ter as cores azul guanabara e branco(que são as cores oficiais da cidade), criando uma das maiores rivalidades da cidade. O clássico era conhecido como FERRO-ADA.
Ele faleceu em Araraquara em dezembro de 1977.
Em 13 de maio de 1951, a Ferroviária jogou no Estádio Municipal de Araraquara , contra o E.C. Mogiana(formada por ferroviários da cidade de Campinas), vencendo por 3 x 1, realizando a primeira partida da história.
O autor do primeiro gol foi Henrique Candido(Fordinho).
Os gols da Locomotiva foram marcados por Fordinho, Basso e Baltazar. Alessio(contra) marcou o gol da Mogiana.
A Ferroviária jogou com: Tino, Sarvas e Aléssio(Pádua), Julião, Basso e Pimentel, Ministro(Baltazar), Milton Vianna, Fordinho, Gonçalves e Tonhé.
A Mogiana com Herlan, Retião e Tão, Servilho, Miguel e Carrapato, Marçal(Crive), Tito, Elisio(Funin), Roque e Armandinho.
O Estádio da Ferroviária, foi inaugurado em 10 de junho de 1951, após 100 dias de construção, em partida jogada contra o C.R. Vasco da Gama(Rio de Janeiro).
O placar 5 x 0, para o Vasco. Gols de Friaça 4 e Tesourinha. Friaça marcou o 1º gol do Estádio.
Contra adversários locais, o primeiro jogo foi contra o Paulista F.C., em 1º de julho de 1951, perdendo por 4 x 0.Os gols foram marcados por Elvo 3 e Souza.
Em 1952, quase chega ao Acesso, mas na final disputada no Pacaembu, perdeu para o C.A. Linense por 3 x 0.
Em 10 de agosto de 1952, ocorreu o primeiro Ferro-Ada, com vitória da Ferroviária por 4 x 3. No dia 17 de agosto, vitória da ADA por 1 x 0, em partida não acabada.
Em 1953, no Hexagonal final do campeonato, fica em segundo lugar, com o Noroste conseguindo o Acesso.
Em 1954, fica na 1ª Fase.
Em 1955, depois de liderar seu Grupo, chega a segunda fase, disputada em 1956.
A partida foi realizada dia 15 de abril de 1956, na Fonte Luminosa,onde venceu o Botafogo F.C. por 6 x 3.
Os gols: Bazani 2, Gomes 2, Cardoso e Boquita(Ferroviária) e Fernando, Amorim e Brotero(Botafogo).
Arbitragem: Paulo Simões
Ferroviária: Fia, Izam, Ferraciolli, Dirceu, Pixo e Elcias, Paulinho, Cardoso, Gomes, Bazani e Boquita. Técnico: Clovis Van Dick(Capilé).
Botafogo F.C.: Machado, Fonseca e Julião, Wilsinho, Oscar e Chorete, Laerte, Amorim, Brotero, Neco e Fernando.
Ficou Campeão da Segunda Divisão, e teve o Acesso à Primeira.
Em 1956, disputando a Primeira Divisão ficou na 12ª colocação.
Em 1959, a melhor campanha da Ferroviária, ficando na 3ª colocação, atrás de Palmeiras e Santos.
Em 1960, realiza excursão à Europa, enfrentando o Sporting(Portugal), perdendo por 1 x 0 e empatando o segundo jogo por 1 x 1.Contra o Atlético de Madrid, empate por 1 x 1. Em 8 de maio de 1960, venceu o F.C. do Porto por 2 x 0.
Em 1965, terminou o Campeonato Paulista na última colocação, caindo para a Segunda Divisão.
Em 1966, o time não se abalou com a queda e conseguiu chegar com tranquilidade na fase final. Ela foi decidida em duas partidas no Pacaembu, contra o XV de Novembro de Piracicaba.  No primeiro jogo, empate 1 x 1. No segundo, vitória grená por 1 x 0. Acesso à 1ª Divisão.
Entre 1967 a 1969, a Ferroviária conquista por 3 vezes, a melhor campanha entre os clubes do Interior. É considerada Tri-Campeã do Interior.
Em 1967, foram 26 Jogos: 9 vitórias, 6 empates e 11 derrotas. Gols Marcados: 26. Gols Sofridos: 28. Saldo:-2.
O Campeonato Paulista: teve em 1º- Santos e São Paulo 41 pontos, 3-Corinthians 37, 4-Palmeiras 35, 5-Portuguêsa 29 e 6-Ferroviária 24.Na decisão, em jogo extra, o Santos venceu o São Paulo por 2 x 1, ficando com o título. A Prudentina(Associação Prudentina de Esportes Atleticos,  de Presidente Prudente) foi rebaixada.
Em 1968, foram 26 Jogos: 11 vitórias, 8 empates e 7 derrotas. Marcou 42 gols e sofreu 31. Saldo de 11.
O Campeonato Paulista teve 1-Santos 45 pontos( Bi-Campeão), 2-Corinthians 34, 3- Ferroviária 30, 4-São Paulo 28, 5-Portuguêsa 28.
Assim, por 2 vezes coinquista o título da Segunda Divisão(1955 e 1966). 
O Comercial F.C. foi rebaixado.
Em 1969, novamente termina como o melhor do Interior, com 26 Jogos: 10 vitórias, 6 empates e 10 derrotas. Marcou 29 gols e sofreu 35.Saldo: -6. No Grupo A, o Santos ficou com 37 pontos, a Ferroviária ficou em 4º lugar com 26. No grupo B, o Corinthians ficou com 36 pontos. O Santos ficou tri-campeão. Ninguém foi rebaixado neste ano.
Nos anos 70, tivemos uma década sem grande brilho.
Em 1980, disputou pela primeira vez, o Campeonato Brasileiro da Série “B”, a chamada Taça de Prata. Chegou a semifinal da competição, porém duas derrotas contra o C.S.A. por 1 x 0, fizeram o sonho desmoronar.
Em 1982, através do Campeonato Paulista, conseguiu chegar ao Campeonato Brasileiro da Série A .
Em 2003, a idéia de criação de uma empresa para a exploração das atividades de futebol na Ferroviária,  nasceu no gabinete do Prefeito Municipal de Araraquara, Edinho Silva. Após várias reuniões, em 11 de novembro de 2003, realizou-se a Assembleia Geral de Constituição, que declarou formalmente constituida a Ferroviária Futebol S.A.
Em 2006, sagrou-se Campeão da Copa Federação Paulista de Futebol, diante do C.A. Bragantino.
Em 2009, em pleno aniversário da Ferrroviária(12 de abril), no Estádio Ulrico Mursa, em Santos, perdeu da A.A. Portuguêsa Santista por 5 x 3, sendo rebaixada à Série A 3.
Ainda, em 2009, é inaugurada a Arena da Fonte, com a partida pela Copa Paulista, entre Ferroviária 2 x Ituano F.C. 1.
A partida foi realizada dia 22 de outubro de 2009 e o primeiro gol foi marcado pelo lateral esquerdo da Ferroviária, Fernando Luiz aos 35 minutos do primeiro tempo.
O público presente foi de 21.254 torcedores.
Em 2010, obtem Acesso à Série A 2.
Seu Estádio é a Arena da Fonte, que tem 110 x 75 m.
Seus artilheiros:
2007-Jo (Josias Ferreira da Silva) 10 gols
2008-Marcos(Fabio Marcos dos Santos) 7 gols
2009-Quatá (Robinson Michel Pereira) 4 gols
2010-Danilo Teixeira(Danilo Martins Teixeira) 14 gols
2011-Dede(Moises Eder Martins de Oliveira) 6 gols.
Este é o resumo do nosso 13º adversário na Série A 2: Ferroviária Futebol S.A.
Assessoria de Imprensa
101 Anos de Velo Clube
Rumo à Série A 1

+ Notícias


  • André Ferlini

    #CONTRATADO Todo bom time tem que começar com um bom goleiro e eis que chega pra fechar o nosso gol […]



    • Danilo Pereira chega ao Benitão

      O mais novo contrato para defender as cores do Velo Clube na temporada 2018 , campeonato Paulista Série A3, é […]



Siga o Velo Clube nas redes sociais
Depósito 2F Materiais Para Construção Esmaltec Insumos Cerâmicos Gold Imagem Medicina Diagnóstica Locastec Aluguel de Máquinas Midway Labs Monely Calçados e Esportes Poty Romacer Pisos e Revestimentos
  • A. E. Velo Clube
  • A. E. Velo Clube
    Rua Três, 116 - Rio Claro/SP | Telefone:(19) 3524-7496
    E-mail: marketing@veloclube.com.br

© Copyright 2011~2019 A. E. Velo Clube. Todos os direitos reservados.